Empresas adotam medidas para reduzir os custos com planos de saúde

0

Em todo o Brasil, empresas de pequeno, médio e grande porte, estão buscando novas estratégias para reduzir custos com planos de saúde para os funcionários.

Nos últimos anos, o custo individual com empregados subiu 21%, cerca de R$ 271,21, de acordo com uma pesquisa feita pela consultoria Mercer Marsh Benefícios, em 690 empresas de diversos segmentos.

As consultorias contribuem para que empregadores organizem melhor suas despesas e receitas, facilitando a negociação acerca dos planos de saúde para os colaboradores junto às seguradoras, já que tais benefícios não são regulados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar– ANS.

Quais as medidas podem ser adotadas

Especialistas ressaltam que, não basta apenas negociar o preço dos planos empresariais junto às seguradoras e rachar as despesas com o colaborador.

É necessário primeiramente, fazer um levantamento preciso de cada empregado, definindo os que necessitam de mais cuidados, como doenças crônicas, avaliando os custos, a fim de estabelecer uma relação de confiança entre patrão, funcionário e seguradora de saúde.

Outra dica que pode ser adotada pelos empregadores, é promover a saúde e a segurança no local de trabalho, investindo em programas de vacinação, nutrição saudável, prevenção de doenças sexualmente transmissíveis;

Na redução do consumo de cigarro e álcool, na estimulação da prática de atividades físicas, contribuindo para a saúde física, psicológica do colaborador.

Infelizmente, poucos empregadores promovem algo nesse sentido para os colaboradores, elevando a necessidade de que estes utilizem mais e mais os serviços de saúde, o absenteísmo, a insatisfação entre as partes e o aumento das demissões.

A colaboração dos funcionários na hora de utilizar o benefício é essencial para conscientização do rateio das despesas, usando o diálogo e definindo quais gastos podem ser evitados, buscando satisfazer a ambos (empresa e colaborador).

Benefícios atraem e retêm os talentos da empresa

Sabemos o quão é importante oferecer benefícios para os novos colaboradores, a fim de atrair e reter os talentos na organização, fazendo com que se sintam valorizados, motivados e felizes, trabalhando com máxima produtividade.

Em um mercado de trabalho cada vez mais competitivo e instável, oferecer benefícios para os colaboradores, tanto um vale-transporte, como um plano de carreira sólido, gratificações, minimizam a longo prazo a ausência do funcionário na empresa.

De acordo com a ANS, é crucial analisar todas as cláusulas do contrato das seguradoras de saúde, tirando todas as dúvidas antes de formalizar o contrato, evitando mal-entendidos na hora da utilização do plano.

A segmentação aplicável para utilização de planos de saúde é: ambulatorial, hospitalar com ou sem obstetrícia e odontológico. Pode-se personalizar um plano, incluindo um de cada item, de acordo com a necessidade do usuário.

Sabedor da necessidade do usuário, é possível então prever os gastos totais com o seguro de saúde para os funcionários. A ANS disponibiliza no seu site, toda a regulamentação dos planos de saúde, dicas de utilização, como contratar o melhor plano;

Qual o tempo de carência mínimo para utilização do benefício, manuais utilitários e outros: http://www.ans.gov.br/planos-de-saude-e-operadoras/contratacao-e-troca-de-plano/dicas-para-escolher-um-plano/saiba-antes-de-contratar-um-plano.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.